uma mamãe de primeira viagem!

terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

Ganho de peso e sono

 
A fofinha mais fofinha da mamãe!

Ufffffaaaaa, finalmente um tempinho para postar no bloguinho!!
Vida de mamãe não é fácil, ainda mais de uma bebezinha de 2 meses e algumas semanas, minha vida hoje se resume a mamadeiras, fraldas, mimos e muito pouco sono.
A Cami é um bebê tranquilo, mas tem suas exigências como qualquer outro bebezinho.
Bom, primeiro precisava  decidir com qual pediatra ficar: a do posto, de graça, perto de casa, mas menos atenta e mais fria; ou a do SESI, paga, longe de casa, mas súper atenciosa, carinhosa e dedicada. Ficamos com a segunda opção, claro! A Dra. Maria Celina é mesmo ótima, me orientou sobre como ministrar as mamadeiras de complemento de acordo com o peso da Cami e  me explicou porque ela está de fato com baixo peso.
De acordo com ela, o bebê deve ganhar cerca de 600 gramas por mês, e a Cami está ganhando 400. Ela disse que há uma tendência  de a Cami ser magrinha, mas agora ela precisa engordar e a ordem foi: 6 mamadeiras de complemento, a cada 3 horas 120 ml.
Confesso que não é fácil fazer a Cami mamar isso tudo, ela larga os últimos 20 ml para trás, não dá tempo de ela sentir fome e meu peito ela só tem pego de manhã e á noite...além disso ela está tomando Protovit (vitamina) e Redoxon em gotas. Vai ficar forte como um touro minha pequeninha!!!
Ah, e o fim do horário de verão...ontém me tirou da cama ás 4 da manhã, pode?!! Mas hoje ela já acordou no seu horário normal, ás 6. Ufa!
A próxima consulta é dia 8/3, quando ela estará completando o terceiro mês. Vou pegar meu atestado para licença amamentação (são 15 dias) e falar com ela sobre a roncadeira no nariz da Cami todo dia de manhã (o narizinho dela sempre amanhece roncando e ao longo do dia passa).

Segue o artigo 396:

rt 396
Para amamentar o próprio filho, até que o bebê complete seis meses de idade, a mulher terá direito, durante a jornada de trabalho, a DOIS DESCANSOS ESPECIAIS DE MEIA HORA cada um. Sabe-se que estes dois períodos e o horário do almoço no meio da jornada poderiam permitir a manutenção da lactação principalmente se a mãe possui creche no local de trabalho ou posto de coleta apropriado para a extração e estocagem de seu leite na empresa. Em algumas empresas, o benefício é transformado em uma licença-amamentação com duração de 15 dias, mas a lei não permite a negociação ou acúmulo dessas horas.
O Leite Materno pode ser guardado em recipiente apropriado por até 24hs na geladeira e por 15 dias no freezer. 


É um direito nosso, não vamos deixar passar, hein?!!

3 comentários:

  1. "minha vida hoje se resume a mamadeiras, fraldas, mimos e muito pouco sono."

    Completando...
    "Mas isso é padecer no paraiso!"

    ResponderExcluir
  2. olá ...achei teu blog no e-family...é lindinho...sua princesa muitoo fofa parabéns ...estou por aqui te seguindo...conheça o meu tb!

    ResponderExcluir